Por que é tão difícil falar sobre sexo?

Por que é tão difícil falar sobre sexo?

Falar sobre sexo pode ser complicado para muitas pessoas, mas você já parou para pensar nas consequências de não falar sobre isso de não conseguir expressar suas dúvidas?

Vivemos em um mundo que nos cerca de elementos que nos lembram constantemente do sexo: anúncios, músicas, séries, filmes, revistas … Porém, ao contrário do que se esperava, questões sexuais ainda é um grande tabu, mesmo nos dias de hoje.

Apesar de todo o progresso social nas últimas décadas, nem todo mundo se sente confortável para abordar esse assunto. Falar sobre sexo com nossos parceiros, amigos ou familiares ou abrir-se para outras pessoas sobre este assunto, pode deixar muitas pessoas tímidas e desconsertadas.

A explicação mais simples para isso é que, quando falamos sobre sexo, muitas vezes compartilhamos aspectos muito íntimos de nossa existência, elementos que ainda são censurados ou desconfortáveis ​​para a sociedade moderna. E isso, logicamente, gera relutância.

Razões pelas quais não falamos do sexo.

A seguir, entenderemos as principais razões pelas quais é tão difícil se comunicar com outras pessoas sobre este assunto.

Nosso objetivo é poder falar mais abertamente sobre sexo quando realmente o queremos. Algumas das razões são:

1. Medo de ser diferente.

Sexo em Trisal.

Para muitas pessoas, a principal razão pela qual é difícil falar sobre sexo é que elas têm algumas ideias irracionais a respeito. Mais frequentemente, as pessoas acreditam que se expressarem suas opiniões sobre o assunto, outros irão julgá-los ou rejeitá-los.

Essa ideia vem do mito de que só existe uma maneira correta de desfrutar do sexo. Devido a certas pressões sociais, acreditamos que devemos fazer sexo de uma forma específica socialmente imposta.

A maioria de nós sente que é diferente dos outros em certas questões sexuais. Embora as práticas de algumas pessoas sejam menos comuns, qualquer comportamento que envolva sexo voluntário entre dois adultos não precisa ser negativo.

Portanto, a primeira coisa que devemos fazer ao falar sobre sexo é aceitar o que nos torna diferentes. De modo geral, se pudermos abrir nossos corações, nos sentiremos mais livres e satisfeitos porque podemos expressar nossos pensamentos e sentimentos.

2- Medo de ser rejeitado.

Fantasia sexual.

Essa é uma das questões que nos impede de falar sobre sexo com nossos parceiros: fazer sexo com outra pessoa pode nos fazer sentir muito vulneráveis. Quando nos encontramos em um estado sexual, muitas vezes ficamos especialmente preocupados em ser rejeitados.

Portanto, se queremos desfrutar plenamente do sexo, devemos aprender a abrir nossos corações para a pessoa com quem vamos namorar ou estamos casados e falar honestamente sobre nossos gostos, preferências e expectativas.

Por outro lado, a vulnerabilidade das relações sexuais pode ser muito desconfortável para algumas pessoas. A este respeito, como conselho prático, você pode avançar gradualmente o processo que leva ao contato sexual.

Por exemplo, você pode primeiro expressar um desejo que não foi discutido com seu parceiro, mas não é difícil de compartilhar. Se você notar uma reação positiva, aumentará a confiança necessária para se expressar cada vez mais.

Nesse sentido, conversar sobre sexo um com o outro pode ser utilizado como forma de gerar mais confiança entre os casais, de modo que essa abertura às questões sexuais cumpre uma dupla função.

3- Supor que não há necessidade de falar sobre sexo.

Casal que não fala sobre sexo.

Algumas pessoas acham que não há necessidade de falar sobre sexo. Essa crença irracional nos faz pensar que devemos simplesmente saber o que nosso parceiro gosta, por isso pensamos que fazer perguntas possa ser visto como um sinal de que não estamos à altura do padrão.

Essa forma de pensar é prejudicial e errada. A realidade é que o prazer sexual é muito complicado e cada pessoa é diferente. É impossível saber de antemão o que faz cada um faz para aproveitar o sexo.

Portanto, conversar com seu parceiro é essencial para desfrutar plenamente dessa relação. Só então você pode saber o que a outra pessoa deseja e espera. Claro, este deve ser um esforço conjunto: não podemos entender totalmente os gostos uns dos outros sem perguntar, e ele não precisa adivinhar nossos gostos.

Nesse sentido, a menos que você possa falar abertamente sobre sexo com seu parceiro, será difícil para você relaxar completamente no nível sexual. Todos manterão falsas crenças sobre outra pessoa, o que os levará a realizar ações impróprias.

Agora que você conhece as deficiências de não ser capaz de se expressar livremente e de não compartilhar suas dúvidas e preocupações sobre sexo, esperamos encorajá-lo a deixar de lado seu complexo e ser capaz de compartilhar seus sentimentos e pensamentos sobre sexo com outras pessoas.

Se ainda sim você tiver problemas em sua relação pela dificuldade em falar sobre sexo, procure um psicólogo.

Tags: | | | | | | | | | | | | | | | |

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.