Dr. Aaron Beck, pai de terapia cognitiva, morre aos 100 anos.

Dr. Aaron Beck, pai de terapia cognitiva, morre aos 100 anos.

O psiquiatra norte-americano Aaron Beck, considerado o pai da terapia cognitivamorreu nesta segunda-feira (1º) aos 100 anos de idade. A informação foi divulgada pela Dra. Judith Beck, filha do psiquiatra e co-fundadora do Instituto Beck para Terapia Cognitivo-Comportamental.

“Meu pai dedicou sua vida ao desenvolvimento e teste de tratamentos para melhorar a vida de inúmeras pessoas em todo o mundo que enfrentam desafios de saúde mental e de saúde. Ele realmente transformou o campo da saúde mental com seu desenvolvimento e décadas de pesquisa em terapia cognitivo-comportamental”, contou Judith.

No comunicado, a doutora também relembra que ela e o pai fundaram o Instituto Beck para Terapia Cognitivo-Comportamental com o sonho de “criar uma instituição que permitisse à terapia cognitiva evoluir e prosperar”.

“Tivemos sucesso além de nossas expectativas. Agora honramos o legado de meu pai à medida que continuamos seu trabalho e promovemos sua missão de ajudar as pessoas a terem uma vida mais saudável, feliz e significativa”, disse.

Postagem Twitter Beck Institute.

Segunda a filha, a morte de Aaron Beck foi “pacifica”. “Obrigado a todos que já transmitiram condolências e votos de felicidades à nossa família”, concluiu. 

FONTE:

JORNAL DA CULTURA. Pai da terapia cognitiva, Dr. Aaron Beck morre aos 100 anos. Disponível em: https://cultura.uol.com.br/noticias/43604_pai-da-terapia-cognitiva-dr-aaron-beck-morre-aos-100-anos.html Acesso em: 01 de novembro de 2021.

PS.: O Psicólogo Paulo Alencar gradece ao Professor Aaron Beck pelas suas descobertas que ajudam diariamente milhões de pessoas a terem saúde mental e qualidade de vida.

Tags: | | | | | | | | | |

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.