Terapia com biofeedback: uma técnica de auto-regulação para saúde e bem estar.

Terapia com biofeedback: uma técnica de auto-regulação para saúde e bem estar.

O que é biofeedback?

O biofeedback é uma ferramenta terapêutica que fornece informações com a finalidade de permitir aos indivíduos, desenvolver a capacidade auto regulação. Na verdade, o feedback está presente em nosso dia a dia de várias maneiras. Quando, por exemplo, você se olha no espelho, ele lhe devolve (feedback) informações sobre sua aparência impossíveis de enxergar sem ele. A partir dessas informações, você pode fazer as modificações que julgue necessárias. O processo de biofeedback é muito semelhante a isso sendo que nesse caso, instrumentos supersensíveis computadorizados, são usados para medir dados fisiológicos do seu corpo tais como o ritmo cardíaco que normalmente não somos conscientes.

Terapia com biofeedback: uma técnica de auto-regulação para saúde e bem estar.

O treinamento em biofeedback é um poderoso processo terapêutico para gerenciamento de sintomas que desregulam nosso equilíbrio físico e mental.

O termo biofeedback é um processo de auto-regulação através da interface homem máquina. De modo geral, um conjunto de sensores capazes de monitorar certas respostas fisiológicas é ligado a um computador, que processa esses dados.

A auto-regulação ocorre quando, ao visualizar uma interface na tela do computador, a pessoa aprende a modificar as suas respostas corporais.

Existem vários tipos de biofeedback, entretanto, um dos mais utilizados hoje por profissionais da psicologia é o biofeedback cardiovascular.

O Biofeedback cardiovascular é a técnica de biofeedback que trabalha com respostas captadas a partir do batimento cardíaco. Os sinais do coração podem ser captados através de sensores posicionados nas pontas dos dedos, que monitoram os vasos sanguíneos capilares.

Através do monitoramento do biofeedback cardiovascular é possível obter indicadores relacionados ao equilíbrio de nossos sistemas de defesa e relaxamento. Desse modo, é possível inferir sobre nossa capacidade de resiliência, adaptação à atividades físicas e cognitivas, assim como nossa capacidade de relaxamento e bem estar.

A terapia envolvendo o biofeedback é uma forma fácil e não invasiva de gerenciar transtornos e sintomas relacionados a diferentes estados psicológicos como estresse, ansiedade e depressão.

Como biofeedback cardiovascular pode ajudar a melhorar os sintomas e o meu estado psicológico?

As técnicas de biofeedback são técnicas de treinamento. No caso do biofeedback cardiovascular, os sensores captam o batimento cardíaco e através de um computador, os sinais são mostrados de alguma forma para o usuário: sob a forma de gráficos ou associado à jogos.

O processo de auto-regulação evolui de diferentes formas para cada pessoa. De um modo geral, inicialmente a pessoa trabalha para perceber suas sensações, e observa as alterações nos gráficos em função do seu estado de ativação ou relaxamento. Essa associação vai ser fortalecendo, nem sempre de modo consciente, e o usuário aprende a modular essas variáveis através da respiração. O principal objetivo é aumentar a variabilidade da frequência cardíaca (VFC). Aumentando a VFC, melhora-se o balanço autonômico, refletindo em melhoras na qualidade de vida.

Biofeedback é um método indolor, não medicamentoso, indicado para:

  • Distúrbios do sono;
  • Distúrbios de ansiedade;
  • Síndrome do pânico;
  • Depressão;
  • Fobias;
  • Problemas de atenção;
  • Dor crônica;

Quanto tempo dura o processo?

As sessões de biofeedback costumam durar entre 20 de 40 minutos, têm a frequência de pelo menos uma vez por semana e todo o processo varia de duração desde umas poucas sessões, até processos mais demorados quase sempre em função das diferenças individuais no padrão de resposta ao biofeedback. O objetivo final é que o cliente possa dispensar o equipamento e levar para o seu dia a dia, as estratégias de auto-regulação aprendidas.

Tags: | | | | | |